“Liderar é conseguir que as pessoas realizem coisas extraordinárias, entendendo o seu significado, enquanto constroem relacionamentos.” (Eldo Pena Couto)

A melhor forma de liderar é pelo exemplo. Ser o exemplo, nesse caso, exige não só passar uma percepção. Liderança é uma enorme responsabilidade. Implica envolver-se seriamente na vida dos outros.

Liderar é uma missão sagrada. Lideramos pessoas que estão confiadas aos nossos cuidados. Pensar nisso é, acima de tudo, um exercício de humildade.

Na liderança servidora, a compaixão é uma questão fundamental, e significa enxergar a dor e os sofrimentos dos outros, levando isso a sério, transformando em ações. Agir capacitando-os para que resolverem seus problemas.

Ser um líder servidor implica compreender que liderar é influenciar pessoas.

Liderar é fazer com que as pessoas contribuam, com entusiasmo, com o coração, a mente, a criatividade, a excelência e outros recursos. É fazer com que as pessoas se tornem as melhores que são capazes de ser.

Somente conseguiremos o real envolvimento das pessoas quando elas acreditarem no líder.

Se liderar é influenciar, um líder se faz pelo exemplo que dá.

Portanto, é preciso fazer escolhas.

Serei paciente ou impaciente? Gentil ou indelicado? Pretensioso, orgulhoso, arrogante ou humilde? Respeitoso ou desrespeitoso? Altruísta ou egoísta? Indulgente ou implacável? Honesto ou desonesto? Empenhado ou apenas envolvido?

E, então, quais são as suas escolhas?